segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Pensar & Fumar

Quando penso
Lanço ao vento
Uma nuvem
De pensamento

Quando fumo

Jogo no ar
Em fumaça
O que não queria pensar

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Ceticismo De Coisa Nenhuma

O tempo muda
Mas sua cabeça não muda
Sempre miúda
Consciência muda

Opinião sobre tudo 
E tudo sempre vazio
Pensamentos pequenos
E o coração frio 

Ateu com posição religiosa
Cientista que crê em milagre
Apostador que não conta com a sorte
Gente que faz as coisas só por esporte

Não acredita em nada
Tem a resposta pra tudo
Não acredita em nada
Fala mais do que escuta. 

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Parece Comigo

Ontem isso não estava aqui
Mas eu já sabia como seria
Um sopro, um cisco
Um segundo, o risco

Você se parece tanto comigo
Mas não sei o quanto isso é bom
Sei de todo mal que me fiz 
Sei de todo mal que fiz

O escarro esculpido
No catarro do peito 
Meu primeiro trago 
Meu cigarro perfeito

Pra você penso sempre o melhor
Mas você se parece tanto comigo
Algo tão imperfeito 
O estrago perfeito

Os medos que tive talvez consiga vencer
Meus vícios não há de ter
Quem sabe vai estudar

As bobagens que fiz vai evitar 
Será mais esperto
Vingará!

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Amor Paraguaio.

Um amor literalmente paraguaio.
Desses que não valem nada
E ao menor vento, podem ser levado

Um amor que não aquece,
Não sustenta sonhos e muito menos coração.

Um amor literalmente paraguaio.
Desses que não suportam nada
E ao menor movimento, podem ser quebrados.

Um amor que não funciona
Não tem garantias, pois está na promoção. 

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Amou o caralho!

Você levantava da cama lentamente 
E enquanto ainda se vestia
Me olhando nos olhos dizia:

"- Eu te amei, como nunca amei ninguém..."
"- Eu te amei..."

Me beijava e partia...

No outro dia voltava
E tudo se repetia...

E no outro dia,
De novo.